fechar
clique para ampliarzoom clique para ampliarzoom clique para ampliarzoom clique para ampliarzoom clique para ampliarzoom clique para ampliarzoom clique para ampliarzoom
diminuir o textoaumentar o texto

Terra Armada

Os muros em Terra Armada são estruturas de contenção flexíveis, do tipo gravidade, que associam: aterro selecionado e compactado; elementos lineares de reforço que serão submetidos à tração; e elementos modulares pré-fabricados de revestimento. Os muros Terra Armada são largamente utilizados em obras rodoviárias, ferroviárias, industriais e em outras aplicações de engenharia civil. Devido à sua alta capacidade de suportar carregamentos, Terra Armada é ideal para muros de grande altura, ou que estejam sujeitos à sobrecargas excepcionais. O princípio da tecnologia Terra Armada é a interação entre o aterro selecionado e os reforços - armaduras de alta aderência -  que, corretamente dimensionados, produzem um maciço integrado no qual as armaduras resistem aos esforços internos  de tração desenvolvidos no seu interior. Estes maciços armados passam a se comportar como um corpo “coesivo” monolítico, suportando, além de seu peso próprio, as cargas externas para as quais foram projetados.

O processo Terra Armada oferece grandes vantagens:

Os elementos de reforço do solo

Os elementos de reforço são os componentes chave das estruturas em Terra Armada. Na maioria dos casos utiliza-se, como reforço, armaduras de aço do tipo HA, de alta aderência, que são perfis especiais de aço, zincados a fogo, de acordo com as especificações Terra Armada. Estes elementos têm características físicas e geométricas que lhes conferem grande resistência à tração, ductilidade, e excelente coeficiente de aderência ao solo.  A elevada resistência à tração, a capacidade de não se deformar ao longo do tempo sob tensão constante e sob cargas dinâmicas e a resistência ao manuseio durante as etapas construtivas, são características importantes deste tipo de armadura, que não têm similares dentre os elementos de reforço de solos.    

A construção

O fator chave na aceitação mundial da tecnologia Terra Armada tem sido a simplicidade e a rapidez de construção. Em ambientes urbanos os projetistas têm que conviver com locais restritos, cronogramas apertados, e pouco espaço físico. Na construção dos muros Terra Armada, a maior parte da atividade construtiva ocorre por trás do paramento, sem andaimes e sem interrupções  do fluxo de tráfego. As estruturas podem ser construídas a poucos centímetros das divisas e podem facilmente ser projetadas para seguir alinhamentos curvos dos traçados. A montagem é basicamente uma operação de terraplenagem com a rapidez da construção dependendo do ritmo em que a terra possa ser espalhada e compactada. Seja o paramento em escamas pré-moldadas de concreto, ou  malhas eletro-soldadas (TerraTrel), o processo é claramente semelhante e  segue um ciclo simples e repetitivo:

O ritmo de montagem de Terra Armada é primeiramente determinado pela velocidade em que o aterro é espalhado e compactado. Outras considerações são o tamanho da equipe de montagem e a facilidade de acesso ao local da obra e, evidentemente, as condições meteorológicas.

Uma equipe média consta de:·        

De uma maneira geral, com uma única equipe de montagem, um muro pode ser montado num ritmo de:     

                         ***

Terra Armada é marca registrada de Terra Armada Ltda.

ir para o topo da página
Terra Armada

Rio de Janeiro
Rua dos Inválidos, 212, sala 101
Tel.: (21) 2233 7353 | Fax.: (21) 2263 4842

Escritório em São Paulo
Tel.: (11) 3675-3521 | (11) 9422-2900
Fax: (11) 3672-8502

Desenvolvido por Tribo12